Dia das Crianças

08:00 Amigao 11 Comments

Este é um post atrasado, pois o Dia das Crianças já passou. Mas eu só posso vir aqui na quinta-feira. Então sem reclamações. Afinal, o Dia das Crianças é uma data comercial criada pelo dono da Mattel com o simples propósito de sacanear a vida de todos os pais e bajular as crianças de todo o mundo!! Você já infernizou a vida do seu pai com essa porcaria, ainda por cima por um presente que dois dias depois nem funcionava direito!! Nem me dou ao trabalho de jogar no google, pergunta pro seu pai o que ele acha dessa data pra você ver!

Mas quando a gente era menino as coisas eram bem diferentes.
Eu achei este texto circulando ai pela net e é ele mesmo que ilustra o que a gente era quando criança.

Coisas de crianças



Você tem mais ou menos 40 anos de idade.
Então, quando criança, você andava de carro sem cinto de segurança, ia solto no banco de trás fazendo a maior farra.


Brincava com brinquedos coloridos, pintados por tintas duvidosas, contendo chumbo ou outro veneno qualquer.


Você não sabia o que era uma trava de segurança nos armários de medicamentos. Andava de bicicleta sem capacete, sem joelheiras, caneleiras e sem cotoveleiras.


Bebia água da torneira ou de uma mangueira qualquer e não de garrafinhas bonitinhas. Construía carrinhos de rolimã e descia enormes ladeiras sem freio, já que, para economizar a sola do tênis, você ia descalço.


Ia brincar na rua com uma condição: voltar ao anoitecer.


Não tinha celular. E os seus pais nunca sabiam onde você estava.


Você não tinha aula em tempo integral, ia almoçar em casa e ficava vendo a Sessão da Tarde.
Rasgava o joelho e usava gesso, quebrava dentes. Comia doces à vontade, pão com manteiga e nunca ouvia falar em obesidade.


Dividia o refri com os amigos, gole a gole, só dando uma limpada no gargalo com a palma da mão.
Na escola, passa de ou não. Você não tinha que ir num psicólogo ou psicoterapeuta.
Nunca ouvia falar de superdotados, dislexia e problemas de concentração e hiperatividade.
Tinha fracassos, sucessos, deveres e aprendia a lidar com cada um deles.



Todos dormíamos em paz. Aquela época gloriosa, ah que saudade.

11 comentários:

  1. Saudades da sessão da tarde, e de ficar brincando na rua, fazendo panelinhas de barro, sentada no chão msm...aí, era tudo tão melhor, sem tanta frescura..

    ResponderExcluir
  2. "Este é um post atrasado, pois o Dia das Crianças já passou. Mas eu só posso vir aqui na quinta-feira. Então sem reclamações."

    Humf! Eu te pago um salário altíssimo e vc só vem aqui as 5ª???

    Saudade de vcs crianças!
    Bêjos

    ResponderExcluir
  3. Ain... Eu até que nem sou tão nova assim, mas não peguei essa época aí não. Eu já brincava de vídeo games e, se meu pai não soibesse onde eu tava, tinha um terco te tão preocupado... Época boa era essa, viu? Me matou de inveja você!!! Heheheh...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Ain, nem me fale da saudade q eu sinto de ficar a toa em casa, ou mesmo ir pra praia em plena segunda-feira... aii, nem corria o risco de ligarem para dizer que tem aula em pleno sábado!!!
    Ê sauuuuudade, das "braaabas"...
    Beijão

    ResponderExcluir
  5. Opa opa...como isso tudo ai em cima, ''foi'' verdade...Abrc's

    ResponderExcluir
  6. saudades da minha infância
    do ki suco com bolinho de chuva,assistindo ursinhos carinhos na tv

    ResponderExcluir
  7. Eu não tenho saudades da minha infância, ela foi muito boa mas passou, prefiro dia de hoje!!!

    Eu tenho medo da Maísa!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Tudo bem, tudo bem!

    Digam:
    - Que cara saudosista!

    Bah, Amigão! Será que estou ficando velho? Aqueles sim é que eram tempos bons!
    Ô tempo bom! Ô tempo bom!

    Fazer o quê? O mundo mudou e as nossas crianças já não podem viver aquilo que nós experimentamos, pois a vida anda terrível! Naquela época não tinha seqüestro relâmpago. Quando se ouvia falar de seqüestro, rarissimamente, era sem dúvida algum figurão muito importante e/ou milionário. Hoje em dia estão levando até assalariados (pra não dizer desempregados...)

    "Tempos difíceis, meu amigo..."
    Tenho certeza de já ter ouvido meu pai dizer isto umas tantas vezes, mas só agora é que eu entendo.

    Toma lá um quebra-costela!

    Urbano

    ResponderExcluir
  9. Euzer Lopes20/10/08 21:51

    Pois é, quando eu era criança meus brinquedos eram:
    Super Trunfo
    Pião de madeira e barbante
    Miniaturas de carrinhos Matchbox
    Ferrorama
    Autorama
    Aquaplay
    E com os amigos, brincávamos na rua. Jogávamos futebol usando a rua como campo, a sarjeta como lateral, dois tijolos em cada lado do campo servindo de gol.
    Também jogávamos "bets", andávamos de bicicleta pelas trilhas, subíamos em árvores altíssimas e não caíamos.
    E quando a gente se machucava, não doía.
    Hoje... parece que as crianças são feitas de cristal.

    ResponderExcluir
  10. Quando eu era moleque eu lia muita HQ, bincava com Comandos em Ação, assistia Cavaleiros do Zodíaco!
    pow, tempos bons aqueles... e que não voltam mesmo.
    Tenho muita saudade!

    ResponderExcluir